sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Casa alagoana Dom Bosco é escolhida para abrigar relíquias de três santos

Fragmentos partiram da Itália e devem ficar pemanentemente em Maceió


A casa de caridade Dom Bosco foi escolhida para abrigar, permanentemente, as relíquias de três santos da família sazeliana. Vindos direto da Itália, da cidade de Turim, os fragmentos de Dom Bosco, São Domingos Sávio e Santa Mazarelo, todos italianos, devem ficar disponíveis à exposição pública. 

De acordo com o padre Tito Regis, a Casa Dom Bosco foi escolhida em virtude de sua obra ser ligada exatamente às famílias salezianas, cujas atividades são centradas com a espiritualidade a juventude. “A Casa Dom Bosco trabalha com jovens dependentes químicos e esses três santos também trabalhavam com jovens”, explica. 

As relíquias chegaram a Maceió no dia 20 de janeiro e, de acordo com o pároco, seguem em peregrinação em várias igrejas. “Ela já esteve na paróquia do Clima Bom. Nesta tarde estará em Benedito Bentes e, domingo, em Fernão Velho. No dia 31 deste mês, elas estarão de volta à Casa Dom Bosco, onde haverá uma celebração ao santo que leva o nome. 

“Desde então, vamos expor as relíquias à veneração pública. O programa será desenvolvido durante todo o ano, quando, no último domingo de todos os meses, haverá a exposição e a missa pela Juventude. Sempre às 16 horas, na Casa Dom Bosco”. 




Fonte: Gazeta Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário