quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Réus condenados do caso Ceci Cunha são levados ao IML

Talvene Albuquerque diz estar tranquilo com relação à condenação  
Talvane disse estar tranquilo com relação à condenação
Os réus condenados pelo crime conhecido como “Chacina da Gruta” foram encaminhados ao Instituto Médico Legal Estácio de Lima, no bairro do Prado, na manhã desta quinta-feira (19), para se submeterem ao exame de corpo de delito, procedimento padrão realizado antes da entrada de presos no sistema prisional.

Cinco carros da Força Nacional e da Polícia Militar fizeram a escolta dos presos até o IML e os levarão para o presídio onde serão instalados. 

O ex-deputado federal Talvane Albuquerque, ao ser quationado sobre a decisão do juiz, disse estar tranquilo. “O juiz decidiu e estou aqui para acatar a decisão da Justiça”, afirmou o acusado de ser o mandante do crime que culminou na morte da deputada federal Ceci Cunha; seu esposo, Juvenal Cunha; o cunhado dela, Iran Carlos Maranhão; e a sogra dele, Ítala Maranhão, em 16 de dezembro de 1998.

Ao sair do carro, José Alexandre continuou reafirmando ser inocente. “estão condenando um homem inocente!”, disse. Jadiélson Barbosa, Alécio Vasco e Mendonça Medeiro não falaram à imprensa.




Fonte: Gazeta Web

Nenhum comentário:

Postar um comentário