quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

ONU pede ao Egito medidas apropriadas após drama em Port Said

Violência explodiu na noite desta quarta-feira na cidade situada no acesso norte do canal de Suez


O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pediu nesta quinta-feira ao governo egípcio para tomar "medidas apropriadas" frente ao drama do Port Said, uma cidade do norte do Egito, onde na véspera morreram 74 pessoas em confrontos em um estádio de futebol.

Ban Ki-moon "espera que o governo egípcio tome medidas apropriadas para responder a este trágico incidente", disse o porta-voz Martin Nesirky. O secretário-geral se declarou "entristecido" e apresenta suas condolências às famílias das vítimas, acrescentou.

A violência explodiu na noite de quarta-feira na cidade situada no acesso norte do canal de Suez, depois que o árbitro deu o apito final à partida em que o Al Masry, clube de Port Said, inflingiu ao Al Ahly sua primeira derrota (3-1) da temporada.

Neste momento, centenas de torcedores do Al Masry invadiram o campo e começaram a atirar pedras e garrafas contra os do Al Ahly. Pelo menos 74 pessoas morreram e centenas ficaram feridas, uma cifra que faz desta partida uma das mais mortais da história do futebol.






Fonte: Terra 

Nenhum comentário:

Postar um comentário